Regulamento

Este regulamento define as normativas para o desenvolvimento dos projetos de Educação Ambiental nesse espaço virtual da Plataforma Ambiente+, apresentando: as condições de inscrição e participação dos projetos, parâmetros a serem utilizados no monitoramento e na avaliação para seleção dos projetos mais exitosos.

 

Da Inscrição

Art. 1º As inscrições serão realizadas no período de 08 de agosto a 31 de agosto de 2022 no ambiente virtual da Plataforma Ambiente+, por meio do preenchimento do Formulário de Inscrição, composto de três passos: passo 1 - Cadastro do responsável pelo projeto, passo 2 - Cadastro da Unidade Educacional e passo 3 - Cadastro do Projeto.

Da Participação

Art. 2º Poderão participar do Programa qualquer escola pertencente à Rede Pública Estadual de Ensino de Pernambuco que tiverem interesse em dar visibilidade a suas ações e projetos de Educação Ambiental.

Art. 3º Participarão do Programa até 96 escolas, selecionadas por ordem de inscrição, sendo 6 (dez) escolas por cada Gerência Regional de Ensino.

Dos Projetos

Art. 4º A formulação do projeto deve considerar as Diretivas Pedagógicas da Educação Ambiental, bem como as orientações para elaboração de projeto, de acordo com o modelo disponibilizado.

Art. 5º Os projetos somente serão aceitos dentro do prazo de inscrição.

Do Monitoramento

Art. 6º O monitoramento dos projetos, em todas as etapas, será realizado por equipe técnica de Educação Ambiental da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade - SEMAS, Agência Ambiental do Estado - CPRH e da Secretaria de Educação e Esportes - SEE.
Art. 7º Para o processo de monitoramento, a instituição de ensino deverá registrar, através de seu login e senha do ambiente virtual, cada ação do projeto, como gincanas, palestras, apresentações, visitas a ambientes naturais, dentre outras, através de relatório contendo fotos, vídeos e material didático utilizado.
Art. 8º O relatório apresentado servirá para subsidiar a equipe técnica no processo de monitoramento e avaliação.
Art. 9º As ações que não estiverem devidamente registradas não serão contabilizadas para a pontuação.

Da Avaliação

Art. 10º A contagem da pontuação será realizada de acordo com os seguintes critérios:

a) Qualidade Técnica do Projeto

b) Criatividade e inovação

c) Diretivas pedagógicas

d) Propósitos do fazer educativo ambiental

e) Resultados

f) Estratégias propostas para continuidade do projeto

Art. 11º A pontuação de cada critério será calculada conforme a Tabela 1 dos Critérios de Avaliação.

Art. 12º Em caso de empate, o critério de desempate será o projeto que totalizou maior pontuação no quesito “Diretivas pedagógicas”.

Art. 13º Persistindo o empate, o projeto que totalizou maior pontuação no quesito “Propósitos do fazer educativo ambiental” obtém o maior ranking.

Art. 14º Os 16 (dezesseis) projetos melhores pontuados, sendo 1 (um) de cada Gerência Regional, participarão do Festival de Educação Ambiental, quando apresentarão um produto final de seus projetos. 

Art. 15º Essa apresentação será avaliada de acordo com os seguintes critérios:
a) Criatividade e originalidade
b) Envolvimento dos alunos
c) Clareza na apresentação dos conteúdos
d) Adequação à temática ambiental
e) Adequação da apresentação ao tempo estabelecido

Art. 16º A pontuação de cada critério será calculada conforme a Tabela 2 dos Critérios de Avaliação.

Art. 17º Na avaliação da participação no Festival de Educação Ambiental, em caso de empate, será selecionado o projeto que totalizou maior pontuação no quesito “criatividade e originalidade”


Sobre a composição da nota final


Art. 18º A nota final é composta por uma média ponderada onde a pontuação obtida na avaliação do projeto (nota final 1) tem peso 7 e a pontuação obtida na avaliação da apresentação no festival (nota final 2) tem peso 3.

 

Resultado
Art. 19º
Após a apuração da nota final serão escolhidas as 4 (quatro) escolas melhores pontuadas, sendo 1 de cada Macrorregião do Estado (Metropolitana, Zona da Mata, Agreste e Sertão), que receberão uma premiação definida pela SEMAS, CPRH e SEE.

Art. 20º Todas as escolas participantes do programa “Ambiente +” receberão certificado de participação e uma placa de Escola “Ambiente +”.

Art. 21º As 16 (dezesseis) escolas participantes do Festival receberão troféu de destaque.

Art. 22º As 4 (quatro) escolas que obtiverem a melhor pontuação serão premiadas com uma vivência ambiental, oferecida pela Semas, CPRH e SEE com atividades lúdicas para a comunidade escolar diretamente envolvida no projeto.

Disposições Finais


Art. 23º A veracidade das informações prestadas é de responsabilidade única e exclusiva dos participantes do projeto, sendo que, informações incorretas ou falsas acarretarão na automática desclassificação deste.
Art. 24º O material encaminhado para participação no projeto passará a pertencer ao acervo da ferramenta tecnológica “Ambiente +”, sob a responsabilidade da Secretaria de Meio Ambiente e Sustentabilidade – Semas e da Agência Estadual de Meio Ambiente - CPRH em caráter definitivo.
Art. 25º O ato da inscrição atesta a autorização por parte dos representantes da instituição de ensino ao uso dos conteúdos dos projetos pela Semas/CPRH, por qualquer meio e sem limite de prazo.
Art. 26º Os trabalhos serão publicados na ferramenta tecnológica “Ambiente +” como espaço de diálogo, aprendizagem, estímulo e apoio à ação educativa ambiental em Pernambuco.

Art. 27º Os casos omissos serão decididos pelo Grupo de Trabalho instituído pela SEMAS, CPRH e SEE.

INSTITUIÇÕES PARCEIRAS

Ir ao início